Setembro 6, 2019 10.digital

Playstation vs Xbox, por Paulo Cardoso

Playstation vs Xbox, por Paulo Cardoso.

Desde os primórdios das consolas de videojogos, que a luta pelo espaço nos móveis dos consumidores é um exercício de criatividade e performance! O mercado, como o conhecemos hoje, começou por se disputar no início dos anos 2000. A Nintendo, a Sony e a Sega, depararam-se com uma nova concorrente de peso a entrar neste ramo: a Microsoft.

Embora a Sega tenha saído de cena e a Nintendo se tenha mantido fiel ao seu mercado, as “batalhas” mais fervorosas têm vindo a ser travadas entre a Sony e a Microsoft, através das suas Playstation e Xbox, respetivamente.

No campo de batalha temos, de um lado, a Playstation, lançada em 1996 e renovada em três novas iterações (PS2, PS3 e PS4). Do outro lado temos a Xbox, lançada em 2001 e renovada em duas iterações (Xbox 360 e Xbox One).

Em todos os lançamentos, espera-se que as consolas se tentem superar com novas tecnologias, funcionalidades e jogos exclusivos. Dizem os puristas que os apaixonados por uma marca serão desertores se comprarem a outra. No entanto, é essa a luta das consolas: conseguir o maior número de consolas vendidas, e, consequentemente, novos consumidores.

A campanha que mais me marcou surge no meio desta “batalha”: é uma que respondeu a uma das mais controversas medidas tomadas pela Xbox. Nesta, a empresa informou que os jogos físicos não poderiam ser emprestados (ou vendidos e comprados usados), pois o sistema inviabilizaria a sua jogabilidade. Apenas a conta do primeiro utilizador do jogo o poderia jogar, tendo o novo utilizador como alternativa o pagamento de uma fee de desbloqueio.

Ora se emprestar ou vender um jogo usado é tão natural ao ponto de existirem empresas cujo negócio é só esse, esta medida destruiria qualquer esperança de sucesso futuro.

Para responder a esta medida, a Playstation apresenta um vídeo muito curto, no qual explica como é que dois utilizadores podem trocar os seus jogos.

Com um tom cómico, a Playstation venceu mais um lançamento e conta já com 97 milhões de unidades vendidas, contra as 41 milhões de unidades vendidas pela Xbox.

O meu nome é Paulo Cardoso e tenho 20 anos. Atualmente sou estagiário em Back-End na 10.digital e entre livros, ping-pong e ócio, gosto de desfrutar de um bom jogo de Playstation para matar o tempo.

Para ler outras Campanhas Favoritas, clique aqui.

Tagged: , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *